Quando estamos dentro de 4 paredes tudo vale. Deixar a sua parceira satisfeita é sempre o seu foco, não é mesmo? Se você chegou neste artigo é porque já ouviu falar que as mulheres têm Zonas Erógenas e sim… Isso é verdade, todos nós temos!

O corpo da sua mulher está coberto de pontos quentes que você provavelmente nunca pensou em explorar…

As Zonas Erógenas têm o poder de levar a sua mulher do zero à loucura!

“Uma Zona Erógena está em qualquer parte do corpo que possui uma sensibilidade aumentada e pode provocar uma resposta sexual quando estimulada.”

Descubra agora quais as zonas erógenas da sua parceira e aumente o prazer do vosso momento intimo. Leve a sua vida sexual para outro nível!

Leia Também: Como fazer uma mulher gozar rápido

Zonas Erógenas da Mulher e como Estimulá-las

Zonas Erógenas

1 – Nuca e Pescoço!

Se você é uma pessoa que gosta de explorar o corpo e principalmente o pescoço, você provavelmente sabe disso: “A nuca tem tantas terminações nervosas que basta um toque leve para deixar você e sua parceira selvagens”.

Portanto, a nuca é um das grandes zonas erógenas da mulher. Da próxima vez que você estiver com a sua parceira experimente explorar mais essa zona. Passe levemente as pontas dos dedos para cima e para baixo na nuca e pescoço, assopre, beije… Explore! Acredite que a sua parceira vai amar.

2 – Coxas!

Por ser uma zona perto da vagina é normal que seja uma zona erógena… E acredite, é uma zona que as deixa muito excitadas…

Faça joguinhos com a sua parceira e deixe ela enlouquecida. Faça algo do tipo: meta suas mãos nas coxas dela, esfregue e vá perto da vagina, quando chegar lá volte para trás devagarinho, faça isso muitas vezes do tipo que ela ainda não merece que você vá para a vagina e irá ver a magia!

3 – Lábios!

Os lábios como você deve imaginar é um sitio muito sensível nos humanos e todas as mulheres se estimulam muito bem com os beijos!

O que a maioria dos homens não faz é diversificar os beijos… O beijo é uma “ferramenta” poderosa no sexo, use isso também como sua vantagem. Quem não adora beijar, não é mesmo!?

Da próxima vez que estiver com sua parceira no seu quarto experimente fazer algo diferente, ela vai ficar surpreendida. Por exemplo: brinque com os lábios dela, passe a língua bem devagar enquanto lhe olha profundamente nos olhos… Morda os lábios de baixo de forma leve, lhe beije muito devagar enquanto lhe toca noutra zona erógena… Bingo!

4 – Pés!

Os pés para muita gente é um tabu ou algo que acham muito nojento, mas amigo… É uma zona que se você explorar irá ficar muito surpreendido com o resultado!

Portanto deixe-se de tabus, explore o corpo e vá aos pés também… Dê beijos, chupe… Divirta-se e veja a sua parceira a enlouquecer.

5 – Orelhas!

As orelhas também são uma parte que excita muito as mulheres… Experimente enquanto estiver a beijar e a explorar o seu pescoço direccione-se também para as orelhas… Morda, lamba… Irá ser uma experiência única se a sua parceira não estiver habituada a esse tipo de tratamento!

6 – Seios!

Muita gente discute esse assunto, até as próprias mulheres. Mas sim, se você souber explorar os seios corretamente irá excitar a sua parceira. Muitas mulheres dizem que não sentem nada, mas isso varia de pessoa para pessoa e é preciso saber fazer as coisas corretamente… Nada melhor que experiência, né?

Portanto, apalpe, chupe… Divirta-se com os seios da sua parceira, tente excita-la de várias formas, é um ponto de excitação acredite!

7 – Virilha e Bumbum!

Faça uma massagem por essas duas zonas. Elas adoram!

8 – Umbigo!

O umbigo é uma parte muito sensível, se você explorar bem a sua parceira irá ficar louca.

Faça toques leves, beije…

E é isso, amigo! Esses são algumas zonas erógenas que provocam mais excitação nas mulheres. Agora você está um passo a frente, use isso como vantagem e dê o maior prazer a sua parceira!

Tiago André
Escritor

Criador do projeto Craque nas Mulheres, Tiago André ajuda diariamente homens nas suas vidas amorosas e sexuais por todo o mundo. Neste momento é estudante e coach de relacionamentos, estando nesse mercado há mais de 2 anos.

Escrever um Comentário